Informativo Radioativo (07/03/18)

Bloco I

Biblioteca Central da UFPE reabre após incêndio

A Biblioteca Central da Universidade Federal de Pernambuco, no Campus Recife, Cidade Universitária, será reaberta e voltará a funcionar normalmente nesta quarta-feira (7), segundo a direção do prédio.

No último dia 1º de março, a Polícia Federal realizou uma perícia na sala do almoxarifado, no 3º andar do prédio – área afetada pelo incêndio ocorrido na tarde do dia 27 de fevereiro.

Segundo o diretor do Sistema de Bibliotecas, Elilson Goés, o acervo da Biblioteca Central não foi atingido pelo incêndio. A direção informou, também, que no almoxarifado havia “apenas materiais de expediente e bens inservíveis”.

O incêndio ocorreu um dia após o início do semestre letivo no Campus Recife. Segundo a UFPE, a suspeita é que o incêndio foi causado por um curto-circuito, mas o motivo está sendo apurado pela equipe de Engenharia da Superintendência da Infraestrutura da UFPE e pelo Corpo de Bombeiros, responsável pelo laudo técnico.

Presidente da Fundaj entrega cargo dias após demissão de estagiários e coordenadora

O professor Luiz Otavio Cavalcanti entregou o cargo de presidente da Fundação Joaquim Nabuco (Fundaj) nesta segunda-feira (5), dias depois da demissão de uma coordenadora do Museu do Homem do Nordeste, Silvana Araújo, e estagiários da instituição. Em uma carta enviada por mensagem de celular, Luiz Otavio agradece ao ministro da Educação, Mendonça Filho, pela nomeação e diz que se despede “com senso de infinito” na palma da mão.

Luiz afirmou ao Diario de Pernambuco que a saída nada tem a ver com a demissão dos funcionários, ocorrida na última quinta-feira (1º), e que já havia combinado a entrega do cargo com Mendonça Filho.

Uma coordenadora e quatro estagiários do setor educativo do Museu do Homem do Nordeste foram demitidos supostamente por conta de um copo vermelho do bloco Eu Acho É Pouco no qual estaria escrito “Fora, Temer!”. O objeto teria sido notado durante um evento na Fundaj, no dia 23 de fevereiro, no qual Mendonça estava presente. A ordem para o desligamento dos funcionários chegou na segunda-feira seguinte, dia 26, e foi assinada no dia 1º de março.

Em nota, a Fundaj negou a ligação entre as demissões e o evento: “Com relação às mudanças no corpo técnico do Museu do Homem do Nordeste, essas já estavam em curso, obedecendo o critério de competência técnica e a autonomia de gestão”.

Bloco II

STF autoriza investigação em conta bancária de Temer

A quebra do sigilo bancário do presidente Michel Temer (MDB) foi autorizada pelo ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal (STF), por conta da investigação de um suposto favorecimento da empresa Rodrimar por meio da edição do chamado Decreto dos Portos, publicado em maio do ano passado.

No inquérito dos portos, além do presidente Temer, são investigados o ex-deputado Rodrigo Rocha Loures, o dono da Rodrimar Antônio Celso Grecco e Ricardo Conrado Mesquita, diretor da empresa de logística e que opera no porto de Santos.

A Justiça vai inspecionar as contas do presidente entre janeiro de 2013 e junho de 2017. É a primeira vez na história do Brasil que um presidente em exercício terá o sigilo de dados pessoais quebrado pela Justiça.

Segundo o ministro da Secretaria de Governo, Carlos Marun, o presidente pretende tornar pública a divulgação das cópias dos extratos bancários. Marun disse ainda que o decreto sob suspeita não beneficiou a empresa Rodrimar. E que essa decisão do ministro Luis Barroso causou indignação e constrangimento ao governo.

Justiça autoriza Rádio Comunitária realizar Propaganda Comercial

Sentença reconhece que “as normativas expedidas pelo Ministério das Comunicações com a finalidade de regulamentar a Lei 9.612/98 e o Decreto 2.615/98, no ponto em que confirmaram a proibição da transmissão de propagandas comerciais pelas rádios comunitárias” extrapolaram os limites legais e, portanto, não poderiam ser aplicadas para restringir a atividade das Rádios Comunitárias.

A principal tese debatida no processo judicial residiu na definição do conceito de apoio cultural e, nesta medida, verificar se o Ministério das Comunicações teria ou não competência para definir a amplitude de sua definição. Com a decisão o Magistrado acatou a tese defensiva, reconhecendo que o Ministério das Comunicações não tem competência para definir o conceito de apoio cultural, nem mesmo de restringir a publicidade comercial por parte das Rádios Comunitárias, já que sua função é meramente complementar.

Esta sentença é muito importante para as rádios comunitária devido ao fato de que esta proibição por parte do ministério em realizar anuncios publicitários é uma das barreiras que mais dificultava a sustentação economica das rádios. A notícia foi publicada pelo escritório de Bueno Advocacia, que fez a defesa da Associação Bom Samaritano em processo movido pelo SINDICATO DAS EMPRESAS DE RADIODIFUSAO E TELEVISAO DO ESTADO DO PARANA.

Pré-candidatura Guilherme Boulos e Sônia Guajajara à presidência da república

No último sábado, 03 de março, Guilherme Boulos, coordenador nacional do Movimento dos Trabalhadores Sem-Teto (MTST) oficializou a sua pré-candidatura à presidência da republica junto com Sônia Guajajara, coordenadora da Articulação dos Povos Indígenas do Brasil (APIB), como vice.

O dirigente dos sem-teto fez questão de defender o direito do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva de ser candidato nas eleições de 2018. Boulos, assim como ocorreu em diversas falas, criticou a intervenção militar decretada por Temer. Guajajara classificou a Conferência como um “momento histórico e potente”. “Há 518 anos vivemos sob intervenção, mas nós resistimos. O Brasil não pode jamais negar a nossa presença, negar que somos os povos originários. Limitam nossos territórios, negam nossos direitos, mas estamos firmes e juntos. Fazemos nossa convocatória para estarmos juntos na linha de frente”, convocou a dirigente indígena e pré-candidata à vice-Presidência.

Guilherme Boulos é coordenador nacional do MTST – Movimento dos Trabalhadores Sem-Teto. Militou no movimento estudantil da União da Juventude Comunista, e se formou em Filosofia pela Universidade de São Paulo (USP).
Sônia Guajajara é coordenadora da Articulação dos Povos Indígenas do Brasil (APIB). Indígena formada em Letras e em Enfermagem, especialista em Educação Especial pela Universidade Estadual do Maranhão, fez parte da coordenação das organizações e articulações dos povos indígenas no Maranhão (Coapima) e da Coordenação das Organizações Indígenas da Amazônia Brasileira (Coiab).

Eventos

HOJE (Atenção REPRISEs)

MARCO ZERO DEBATE #QuandoMeViFeminista

Hoje, quarta-feira (7), às 16h, o Marco Zero Conteúdo realizará uma roda de debate com jovens feministas sobre suas descobertas no feminismo e onde diferentes mulheres se encontram nas lutas celebradas no 8 de março, Dia Internacional da Mulher.

A partir de cada trajetória das convidadas Anne Celestino, do blog Trans Tornada, Adelaide Santos, do grupo de hip hop Femigang, e Gilmara Santana, do Hub das Pretas, irão discutir diferentes lugares de construção dos feminismos. Como a juventude vem renovando as lutas por direitos, feminismo negro, feminismo periférico, nas artes, das mulheres trans e mais.

Autodeclaração FALSA é crime: Reunião contra as fraudes na UFPE

Na quinta-feira, dia 01, dezenas de estudantes de diversos cursos compareceram a Sessão-debate “Cotas sim! Fraudes não passarão!” organizada por estudantes de cinema na entrada do Centro de Artes e Comunicação da UFPE.

Além da discussão das fraudes no curso de cinema, estudantes de outros cursos levaram mais casos de fraudes nas cotas raciais. Foi levantado a necessidade de ampliar um mapeamento das fraudes que ocorrem em todos os cursos e exigir da reitoria a criação de comissão de aferição como ocorre em outras universidades.

Para seguir organizando as ações contra as fraudes foi marcada uma reunião na próxima quarta-feira, dia 07, às 16h no Núcleo de Estudos Afro-Brasileiros (Neab), que fica na entrada do Centro de Educação da UFPE.

Participe!

Coletivo Cara Preta

link: https://www.facebook.com/events/159257638067619/

Quinta-feira (8 de março)

GeraBuceta

Próximo quinta-feira (08), Dia Internacional da Mulher, as vozes femininas se encontram na Galeria Arvoredo para mandar umas rimas, recitar poesia e soltar aquele som para balançar as ‘rabas’ que se movimentam com autonomia. É dia da buceta gerar no rap.

O evento é assinado pela Aqualtune, um coletivo independente criado em 2017 para estimular o protagonismo da mulher negra na produção cultural e fortalecer artistas da periferias, especialmente mulheres. A programação conta com grupos da cena local, além da participação especial da MC carioca Taz Mureb. 8 0 8 crew, Femigang, Negrita MC e as Djs Brisa e Mayara Cajueiro compõem a line mais feminista da cidade em uma data que marca a luta por equidade de gênero.

O discurso potente de parte da atual safra da poesia pernambucana, fortemente influenciada pelas pautas feministas e do movimento negro, também assinala o encontro por meio da participação das poetas dos coletivos Recital Boca No Trombone e SLAM DAS MINAS PE.

O mês de março representa um marco na luta por igualdade de gênero em todo o mundo. Nesse contexto, a música produzida por MCs mulheres serve de ferramenta para o fortalecimento de pautas importantes para o movimento feminista. O combate ao racismo, à violência contra a mulher e outras demandas de cunho social são temas que perpassam a produção dos grupos e artistas do movimento Hip Hop que integram a line. As adversidades, a falta de incentivo e o machismo não são suficientes para impedir cada artista de gerar o melhor que pode dentro de suas especificidades, o que resulta num trabalho marcado por vivências periféricas e autobiográfico.

SERVIÇO

GeraBuceta

Quinta-feira (8 ), 21h

Mc Negrita, FemiGang, Taz Mureb (RJ), 808 Crew, DJ Brisa e DJ Mayara Cajueiro

INGRESSOS: R$ 10

Vendas na bilheteria no dia do evento ou online: https://www.sympla.com.br/gera-buceta__251626

link: https://www.facebook.com/events/1994540037242062/

Sábado (10)

Varzea Colaborativa

No sábado 10/03 a praça da Várzea (em frente às barraca de bebidas) mais um vez conta com a presença de artistas, artesãos e produtores independentes para realizar a décima primeira edição da Várzea Colaborativa. Haverá diversidade de produtos, cheios de cores e sabores, para nosso bairro, com amor e alegria. Compre de quem faz! Incentive os artesãos, artistas e produtores independentes da região! Você não pode perder!

link: https://www.facebook.com/events/2052989414985607/

Lançamento oficial “Joelma Lanches” + filme Pantera Negra

Neste sábado, 10 de março, às 18h, na comunidade do Ibura de Baixo acontecerá o lançamento oficial do empreendimento “ Joelma Lanches” da nossa querida guerreira Joelma Lima.

Está empresa é o fruto direto da campanha financeira coletiva, da solidariedade. Todos e todas ficam convidados todos que contribuíram para construção deste sonho, especialmente os nossos colaboradores Rennan Peixe, Casulo, Diego Diego Diego, Emporio Pernambucano, Duafe – Arte Negra, Papaya Verde Restaurante, @Gal e o Grupo Bongar para celebrar essa vitória conosco.

Além do lançamento do “Joelma Lanches” haverá uma sessão especial do filme “Pantera Negra” para a pirralhada do Ibura ❤

Você também vai poder degustar as delícias da “Joelma Lanches” e fortalecer a autonomia da nossa irmã!

Contra o genocídio do povo negro, nenhum passo atrás!

Mário? PRESENTE!

link: https://www.facebook.com/events/294501561081226/

Sambada da Laia pra Mestre Manoel Ferreira

Canto Das Memórias Mestre Zé Negão

Um samba quente pra ecoar forte entre os mundos nosso baque: Sambada da Laia pra reverenciar Mestre Manoel Ferreira, que por muitos anos foi Mestre do Maracatu Cruzeiro do Forte e também esteve a frente da Sambada da Laia ao lado dos Mestres Zé Maria e Zé Negão. Sábado, a partir das 17h.

link: https://www.facebook.com/events/1809938085716096/